Centro de Informação Europa Criativa

ir para conteudo

 Creative Innovation Lab

(Laboratório de Inovação Criativa)

 
O Europa Criativa 2021-2027 reforça a Vertente Transectorial com a acção Creative Innovation Lab (Laboratório de Inovação Criativa).

A acção/ linha de financiamento Laboratório de Inovação Criativa visa encorajar abordagens inovadoras para a criação, a distribuição e a promoção de conteúdos,  promovidas entre sectores culturais e criativos e destes com outros sectores, tendo em conta a mudança digital. Insere-se na Vertente Transectorial do Programa (e constrói-se na Acção Piloto lançada durante o Europa Criativa 2014-2020 "Bridging Culture and audiovisual content through digital")
 
Estado da call: Aberta
Data de fecho: 5 de Outubro de 2021, 16h, (hora de Portugal  continental)
⇒ Acompanhe o estado do concurso e aceda a toda a documentação necessária à preparação e submissão de candidaturas no menu Concursos
⇒ Aceda aos documentos da call no Portal Funding and Tender Opportunities

Objectivos da acção:

  • A acção/ linha de financiamento Laboratório de Inovação Criativa visa encorajar abordagens inovadoras para a criação, a distribuição e a promoção de conteúdos,  promovidas entre sectores culturais e criativos e destes com outros sectores, tendo em conta a mudança digital.
  • O Creative Innovation Lab deve incentivar os agentes do sector cultural e criativo a conceber e testar soluções digitais inovadoras, com um potencial impacto a longo prazo em múltiplos sectores culturais e criativos
  • O Creative Innovation Lab deve facilitar o criação de soluções inovadoras (por exemplo, ferramentas, modelos e metodologias) que possam ser aplicadas no sector audiovisual e pelo menos noutro sector criativo e/ou cultural
  • As soluções devem ser facilmente replicáveis ("soluções piloto") e ter potencial de penetração no mercado.

Duração da acção:

  • 24 meses

Projectos elegíveis:

  • Concepção, desenvolvimento e teste de ferramentas, modelos e soluções inovadoras aplicáveis no sector audiovisual e noutros sectores culturais e criativos
  • Actividades que tenham por objectivo apoiar a competitividade, a cooperação, a circulação, a visibilidade, a disponibilidade, diversidade e aumento do público em todos os sectores
  • Actividades devem conter um elevado potencial de reprodutibilidade no sector audiovisual e noutros sectores culturais e criativos.
  • Os projectos podem focalizar-se em particular:
    • Gestão de direitos e monetização, incluindo transparência e equidade na remuneração;
    • Recolha e análise de dados, com particular ênfase na previsão de conteúdos;
    • Criação e desenvolvimento do público;
    • Ecologização da cadeia de valor dos sectores criativo e cultural, incluindo acções que contribuam para o projecto Novo Bauhaus Europeu
    • Ferramentas e conteúdos educativos inovadores, utilizando a criatividade e os sectores criativos para abordar questões sociais, tais como desinformação, notícias falsas, etc.

Financiamento

  • taxa de co-financiamento de 60% do total dos custos
  • sem limite de montante estabelecido
  • Pré- financiamento entregue ao candidato 1 mês após assinatura do contrato no valor de 60% do financiamento a atribuir

 Entidades elegíveis:

  • As propostas devem ser apresentadas por um consórcio de pelo menos 3 candidatos, que cumpram as seguintes condições:
    • 3 entidades colectivas de pelo menos 2 países diferentes que participem no Programa Europa Criativa (consulte a lista de países participantes aqui)
    • O consórcio deve apresentar uma gama diversificada de conhecimentos em vários sectores culturais e criativos, incluindo o audiovisual

Como apresentar candidatura

A submissão de candidaturas é um processo de 2 etapas:

1. Criar uma conta de utilizador (EULogin) aqui  e registar a sua organização aqui

⇒ Uma vez que tenha uma conta EULogin, pode registar a sua organização no Registo de Participantes. Quando a sua inscrição estiver finalizada, receberá um código de identificação de participante (PIC) de 9 dígitos.

2. Submeter a proposta. Todas as candidaturas são feitas digitalmente através do Portal "Funding and Tenders Opportunities"

⇒ Por se tratar de uma nova plataforma, aconselhamos a consulta do vídeo da sessão de formação dirigida pela Comissão Europeia e disponível aqui

 

Nota importante: A informação aqui facultada é um resumo, pelo que não dispensa a leitura atenta da call document bem como dos outros documentos inerentes e fundamentais à preparação da candidatura.

Para mais informações: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.